Connect with us

Sem categoria

MAC comemora 25 anos com programação gratuita

Cinco atrações estarão distribuídas por todos os espaços do museu

Publicado

em

Museu de Arte Contemporânea (MAC) de Niterói. Foto: Divulgação

Os niteroienses poderão celebrar os 25 anos do Museu de Arte Contemporânea (MAC) com entrada gratuita e uma programação diversificada, que vai ocupar todos os espaços do local. O aniversário do museu é nesta quinta-feira (02), mas as atrações estarão abertas ao público a partir do dia 08 de setembro.

Cinco exposições estarão distribuídas pelo salões internos e externos, rampa e pátio, além de ser possível acompanhar pela internet. Os visitantes que forem pessoalmente ao local ainda poderão ganhar, como brindes, livros da coleção do museu.

Veja abaixo algumas atrações em comemoração ao aniversário do MAC:

Monumento comemorativo – O pátio do museu vai receber um monumento erguido especialmente para as bodas de prata. A obra foi criada pelo artista José Raul Allegretti e poderá ser vista por vários ângulos, por meio de um confronto de formas que, através do Círculo Único – movimento criado por Allegretti, se harmoniza nos olhos, mente e espírito de quem a vê.

Oskar Metsavaht no MAC – A exposição do 90|25 ocupa o salão principal do MAC, em conjunto com a varanda e o mezanino. Na galeria estarão expostas obras de Metsavaht relacionadas aos 90 anos do Cristo Redentor, em uma apresentação intitulada “ícones e arquétipos”.

Na varanda, ocorre um diálogo entre obras da coleção Sattamini e obras de Oskar Metsavaht, intitulada “a simbologia da paisagem”. Já no mezanino, a mostra recebe o nome de “A materialização do invisível”, com obras da coleção Sattamini.

Experiência migratória – A exposição Web Derive 01, do projeto Transeuntis Mundi, inédita no Brasil, foi criada pela artista transmídia, pesquisadora e musicista brasileira Cândida Borges e pelo artista colombiano e escritor Gabriel Mario Vélez, e estará presencialmente no MAC até 12 de setembro, e também de forma on-line pelo site do Museu, até 30 de
setembro.

Samba na museu – O artista Felippe Moraes volta ao MAC com a exposição, Samba Exaltação. O projeto tem como princípio mostrar frases e citações dos principais compositores brasileiros que remetem ao Carnaval, em meio a placas de neon. A mostra terá conteúdo presencial e on-line, que pode ser acessado por QR codes espalhados pelo espaço e texto curatorial assinado pelo curador e pesquisador Alexandre Sá.

Origens e história – No fim da visita, o público terá contato com imagens, documentos e publicações que relembram as origens do MAC, a construção do museu e também a primeira exibição pública do livro de ouro do MAC, que guarda depoimentos e assinaturas de grandes personalidades que visitaram o espaço em seus 25 anos.

Publicidade

Populares